quarta-feira, 10 de agosto de 2016

VIGILANTE

SER VIGILANTE É CUIDAR DA VIDA E DEFENDER PATRIMÔNIOS.

É ESTAR SEMPRE ATENTO A TUDO, E A TODOS.

É TER AMOR À FARDA E ABRAÇAR A PROFISSÃO.

SER VIGILANTE É SER PAI, SER MÃE, É SER FAMÍLIA,

É TER ESTE SENTIMENTO SEMPRE NA MENTE E NO CORAÇÃO, E FORTALECENDO-SE NELES REDOBRAR O CUIDADO E A ATENÇÃO QUE NAS TAREFAS DO DIA A DIA, PRA PODER VOLTAR PRA CASA AO FINAL DA JORNADA E RECEBER O ABRAÇO RECONFORTANTE DAQUELES QUE NOS AMAM.

SER VIGILANTE É SER CIDADÃO, CONSCIENTE DA SUA IMPORTÂNCIA NA SOCIEDADE

DO TIPO QUE NÃO FOGE DA LUTA POR SEUS DIREITOS, E COMO TAL TAMBÉM NÃO SE EXIME DOS SEUS DEVERES.

MAS SER VIGILANTE É ACIMA DE TUDO SER GENTE!

GENTE QUE SE PREOCUPA COM O SER HUMANO EM TODOS OS SENTIDOS,

PRIMEIRAMENTE COM O QUE EXISTE DENTRO DE NÓS,

PRA PODER DAR PROTEÇÃO AOS SERES HUMANOS QUE ESTÃO À NOSSA VOLTA.

Fontes:
Ademir Pincheski
Secretário Geral do Sindvigilantes de Curitiba e região

Apoio: Vigilantes e Similares do Brasil