domingo, 22 de março de 2015

O VIGILANTE LÍDER E SUAS ATRIBUIÇÕES

  O Vigilante Líder é o profissional responsável pela liderança da equipe de vigilância. Um Vigilante Líder verifica as escalas e a rendição, acompanhando e passando normas da área. Está sob as responsabilidades de um Vigilante líder orientar os colaboradores, verificar as situações, manter controle de entrada e saída de pessoas, observar câmeras, monitorar locais, zelar a segurança do patrimônio e dos frequentadores do local, desenvolver a segurança para a empresa, delegar funções, fazer rondas de segurança internas e externas, ser responsável pelo controle das escalas dos vigilantes, cobertura dos postos de vigilância no caso de substituição, ausências ou necessidades de apoio, garantir a apresentação dos profissionais da equipe (uniformes, postura, polidez, ativo na vigilância), preenchimento de controles de segurança: livro de ocorrências, check list de segurança, controle de rondas, folhas de ponto, acionar, acompanhar e controlar os serviços de chaveiros, quando necessários, fazer a interface entre os vigilantes armados e a empresa contratada, dar apoio para as recepcionistas, em casos de eventuais necessidades, acompanhar serviços de recebimento de equipamentos e materiais, quando ocorrem no período noturno, feriados e finais de semana, de modo a minimizar fragilidades e possibilitar cobertura de segurança, mesmas atribuições do perfil de vigilantes, no caso de estar em cobertura, fazer relatórios em Excel, passar tarefas, atender telefone, fazer elaboração escala de trabalho, mantendo o controle da mesma.

Fonte:
Vigilantes e Similares do Brasil

quarta-feira, 18 de março de 2015

DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA FAZER RECICLAGEM DE VIGILANTE.

(XEROX SIMPLES)

• 01 Foto 3×4
• 2 Cópias do RG
• 1 Cópia CPF
• 1 Cópia Título de Eleitor
• 1 Cópia Reservista (Incluindo o verso onde possui a digital)
• 1 Cópia do Certificado de Vigilante (Formação) frente e verso.
• 1 Cópia do certificado da última Reciclagem (se possuir).
• 1 Cópia Comprovante de Residência recente Nominal ou em nome dos pais ou declaração de endereço com firma reconhecida em cartório.
Obs.: Cópias simples (frente e verso e legíveis)

DOCUMENTOS ORIGINAIS (NO ATO DA MATRÍCULA)

• Certidão de Quitação Eleitoral no site ( http://www.tse.jus.br/eleitor/certidoes/certidao-de-quitacao-eleitoral ) ou através do Cartório Eleitoral.
• Certidão de Crimes Eleitorais no site  ( http://www.tse.jus.br/eleitor/certidoes/certidao-de-crimes-eleitorais ) ou através do Cartório Eleitoral.
• Certidão de Distribuição Criminal (Fórum Local da sua residência)
• Certidão de Execução Criminal (Fórum Local da sua residência)
• Certidão Negativa da Justiça Federal no site ( http://www.jfsp.jus.br/certidoes/ )
• Certidão Negativa da Justiça Militar da União ( http://www.stm.jus.br/ )
• Certidão Negativa da Justiça Militar Estadual ( http://www.tjmsp.jus.br/ )

Apresentar-se para o curso com cabelos cortados e barba feita.

Fonte: DPF Departamento de Polícia Federal
Vigilantes e Similares do Brasil

quinta-feira, 5 de março de 2015

SÚMULA TST REGULAMENTA A ESCALA DE TRABALHO 12x36

O Tribunal Superior do Trabalho editou, em setembro de 2012, a Súmula 444 que validou a escala de trabalho 12x36 prevista em acordos e convenções coletivas.

Antes, a escala 12 x 36 não tinha regras e a súmula passou a assegurar a remuneração em dobro para os feriados trabalhados.

Exemplo: 12 horas trabalhadas em feriado receberá o valor correspondente a 24 horas.

* Súmula nº 444 do TST –http://www.tst.gov.br/web/guest/sumulas

Jornada de trabalho. NORMA COLETIVA. LEI. Escala de 12 por 36. Validade. - Res. 185/2012, DEJT divulgado em 25, 26 e 27.09.2012 
É valida, em caráter excepcional, a jornada de doze horas de trabalho por trinta e seis de descanso, prevista em lei ou ajustada exclusivamente mediante acordo coletivo de trabalho ou convenção coletiva de trabalho, assegurada a remuneração em dobro dos feriados trabalhados. O empregado não tem direito ao pagamento de adicional referente ao labor prestado na décima primeira e décima segunda horas.

Fontes: jusbrasil